+55 (11) 2139-2888 [email protected] Voltar para a página inicial
ACESSAR LOJA
+55 (11) 2139-2888 [email protected]
×

Entenda os desafios e a importância da logística no agronegócio brasileiro

Modificado em: junho 6, 2024

Você, que, de alguma forma, tem seu trabalho ligado a uma empresa voltada para o campo, deve ficar por dentro de tudo sobre logística no agronegócio brasileiro. Neste texto, abordaremos todos os principais desafios do setor, para que você esteja inteirado da sua real importância e consiga superar qualquer adversidade que venha a lhe afligir. Saiba que esse é um dos setores mais importantes do Brasil, que faz uma grande movimentação entre mercadoria e consumidores.

Quem gosta de ficar por dentro das principais novidades do ramo não pode perder tempo. Confira, agora, os reais desafios e a importância da logística no agronegócio brasileiro. Boa leitura!

Qual é o papel da logística no agronegócio?

Também conhecida como logística rural, a logística do agronegócio é um ramo administrativo desenvolvido para planejar a execução de serviços necessários às operações do setor rural. Isso configura todo um processo de organização voltado para a otimização da produção, sempre pensando em entregar os produtos da melhor maneira e nos prazos possíveis, para obter mais lucro e evitar desperdícios.

Especialmente para o agronegócio, a logística é muito importante, exatamente pela perecibilidade da maioria dos alimentos produzidos. Esse produtos, quando não são perecíveis, dependem de condições específicas voltadas para o tipo de cultivo, colheita e distribuição. Por esse motivo, não adianta investir no agronegócio sem ter uma boa logística, pois ela é essencial para produzir melhor e aumentar os lucros.

Qual é a importância da logística para o Brasil e o agronegócio?

Nosso país é famoso por ser um dos grandes produtores agrícolas do cenário mundial e assumir o posto de 3º maior exportador de alimentos do planeta. Entretanto, mesmo com esses resultados, a nossa produção poderia ser ainda maior, caso a própria infraestrutura interna do país fosse apropriada, levando em conta técnicas de logísticas eficientes.

Estamos em crescimento ascendente nesse setor desde o ano de 2004, período de tempo que elevamos a produtividade do agronegócio em 122%. Esse é um percentual muito acima da média da economia nacional, que ficou na casa dos 3,1%. Todos esses avanços aconteceram em função da implantação de tecnologia no campo, que permitiu uma aplicação mais sofisticada da logística. Atualmente, o setor corresponde a 21,6% de todo o PIB nacional.

Todavia, devemos sempre progredir, apesar das imperfeições que acontecem no campo e nas estradas do Brasil. É importante investir em tecnologia e infraestrutura para otimizar todos os processos relacionados à logística. Só assim, você vai conseguir obter os melhores resultados da sua produção, evitar desperdícios, além de lucrar mais com tudo isso.

Quais são os maiores desafios da logística no agronegócio?

Agora que você sabe o papel da logística no agronegócio e como esse setor está inserido no Brasil, prepare-se para aprender os grandes desafios desse ramo. Veja agora!

Falta de infraestrutura

A falta de infraestrutura é um dos grandes desafios do setor, sendo a capacidade de armazenamento das mercadorias um dos problemas que mais incomodam. Um controle que enquadrasse estrategicamente a parte de armazenamento poderia ter uma grande autonomia na hora de colocar o preço em seus produtos.

Geralmente, o total da capacidade que se tem de armazenar a produção agrícola de um país tende a ter, no mínimo, 20% a mais que a produtiva. No Brasil, a Companhia Nacional de Abastecimento confirma que esse número é 27 menor do que o total da produção. Esse fator impede que indústrias armazenem seus produtos da maneira adequada, impelindo-as de vender toda a produção no momento da colheita, exatamente quando a oferta tende a ser grande e o preço menos elevado.

Perda de safra

Existe uma perda de safra muito elevada no Brasil devido às grandes distâncias percorridas pelos caminhões em rodovias. Os produtos alimentícios andam, geralmente, mais de 1.500 quilômetros por vias terrestres. As longas distâncias não servem apenas para elevar o custo operacional da logística, mas também trazem à tona questões, como a da infraestrutura, que necessitam de atenção.

Em um país de proporções continentais, como o nosso, é muito mais difícil lidar com alimentos perecíveis. Sabendo de que cada alimento possui um prazo de validade e percorrendo tantos quilômetros diariamente, é bem comum que a deterioração aumente. Esse desafio não é apenas do setor de transporte, mas também da logística.

Dependência do transporte rodoviário

É certo que cerca de 60% de todo o transporte de cargas no Brasil é realizado por meio de estradas, havendo, portanto, uma enorme dependência quanto ao modal rodoviário. Para você a ter noção do problema, existem mais de 200 mil quilômetros de rodovias pavimentadas, enquanto as ferrovias estão na casa de apenas 30 mil quilômetros.

Esse dependência do transporte de carga em relação às rodovias traz consigo diversos problemas para o setor de logística no agronegócio do país. Os transportadores de carga enfrentam condições precárias de trabalho e altos custos operacionais. Além disso, as pessoas que investem no ramo sofrem com uma grande incidência de roubos de carga nas rodovias, o que afeta todos as partes envolvidas que dependem do transporte.

Altos custos

Os altos custos operacionais devido às longas distâncias e à dependência do transporte rodoviário, além da falta de infraestrutura, são um problema para quem desenvolve a parte de logística. Esse fator envolve o valor do frete e deve ser calculado para não reduzir de maneira expressiva a produtividade do transporte. Pesquisas apontam que as condições precárias das estradas elevam em cerca de 26,7% os custos envolvidos no transporte.

O que fazer para superar os problemas da logística no agronegócio?

Deu para perceber que a logística no Brasil, principalmente no agronegócio, parece sufocada pelos problemas que envolvem a sua parte operacional. Por esse motivo, apresenta desafios e oportunidades para pessoas dispostas a trabalhar. Expandir os modais de transporte seria uma maneira de investir em infraestrutura para aliviar a saída de mercadorias. O país apresenta uma longa malha de ferrovias, apesar de pequena, se comparada às rodovias, mas que necessita de ligações entre as linhas de escoamento de produtos.

Como a Sansuy pode ajudar a logística no agronegócio?

A Sansuy é uma empresa totalmente brasileira, com tradição em toda a América Latina. Somos a maior referência do mercado em soluções que envolvem laminados de PVC. Nossos produtos podem ajudar você a otimizar a logística no agronegócio.

O Vinigalpão, por exemplo, é um armazém que pode ser montado e desmontado rapidamente, além de oferecer a maior segura com um tipo de estrutura incrível. Conheça também o Vinicon, que é nossa denominação técnica para Big-Bag, que são recipientes grandes e resistentes para agregar cargas e evitar dispersão de mercadorias.

Você acabou de aprender tudo sobre logística no agronegócio e está pronto para gerenciar melhor a sua cadeia produtiva e otimizar o transporte de cargas da sua empresa. Não se esqueça de procurar pelo o que existe de melhor no mercado para potencializar os seus resultados.

Entre agora em contato com a Sansuy e conheça as maiores soluções em plástico do Brasil!

Novidades

Cadastre-se na nossa newsletter
e receba notícias em seu e-mail

icon_newsletter

Selecione o assunto do seu interesse

    Banner Tanque Circular
    vinilona_cinza_20_2_1

    Materiais Gratuitos