+55 (11) 2139-2888 [email protected] Voltar para a página inicial
ACESSAR LOJA
+55 (11) 2139-2888 [email protected]
×

Sistemas hidropônicos: conheça os seus principais tipos!

Modificado em: maio 31, 2023

Os sistemas hidropônicos de cultivo são cada vez mais utilizados no Brasil devido às soluções práticas para produção e redução considerável dos impactos ambientais. É uma vertente inovadora da agricultura, que eleva a produtividade e gera alimentos saudáveis.

Com a expansão dos grandes centros urbanos e a necessidade de atender às demandas da sociedade de maneira consciente e sustentável, a hidroponia se destaca como uma solução eficiente, capaz de desenvolver alimentos orgânicos sem o uso de terra ou extensos terrenos.

Trata-se de um sistema de produção que está em constante crescimento, e, por esse motivo, é fundamental entender como ele funciona. Por isso, confira, neste post, o que são os sistemas hidropônicos e entenda quais são os principais tipos existentes!

O que são os sistemas hidropônicos?

O termo hidroponia é derivado de duas palavras gregas, hidro e ponos, que juntas, significam água e trabalho. Como o próprio nome sugere, um sistema hidropônico é a realização da produção de alimentos em uma solução nutriente, ou seja, sem o uso de terra.

Em outras palavras, o sistema hidropônico é aquele que não realiza plantações para a produção de alimentos, mas fornece à planta os nutrientes solúveis na água, de forma que possibilite o crescimento natural da cultura, com qualidade e segurança.

É uma forma da agricultura que proporciona diversos benefícios, como:

Embora pareça um conceito novo ou criado há pouco tempo, os sistemas de cultivo hidropônicos existem há centenas de anos. Povos antigos, como os astecas e os chineses, já utilizavam técnicas de cultivo hidropônico desde os primórdios das civilizações.

Como esses sistemas funcionam?

Para crescer naturalmente, as plantas precisam da luz solar, de nutrientes e de água — elementos presentes em plantações comuns, ou seja, no solo. No caso da hidroponia, os fatores essenciais para o desenvolvimento de uma cultura são fornecidos de forma diferente.

Dessa maneira, em um sistema hidropônico os nutrientes necessários são adicionados diretamente na água, que tem contato direto com as raízes da planta. Assim, ela consegue absorver com eficiência e se desenvolver de forma acelerada e saudável.

Basicamente, o sistema funciona como um circuito fechado, em que a solução de água e nutrientes passa pelas raízes da planta e periodicamente é renovado para manter os níveis ideais para sustentar o desenvolvimento do cultivo.

Em alguns casos, o sistema hidropônico pode ocorrer sem a necessidade da luz solar, que é substituída por lâmpadas especiais. Portanto, para funcionar com excelência, o sistema precisa da luz, natural ou não, de sistema hidráulico, de água e de nutrientes, de acordo com a espécie cultivada.

Quais são os tipos de sistemas hidropônicos?

Os sistemas hidropônicos existem de tipos diferentes, e são classificados de acordo com a forma de cultivo, materiais, equipamentos e condições utilizadas. Apesar de o objetivo final ser o mesmo, cada tipo de cultivo se encaixa nas necessidades dos produtores, seja em condições financeiras ou estruturais.

Veja quais são os tipos de sistemas hidropônicos!

Sistema floating

O sistema floating, ou flutuante, é uma forma de cultivo em que as plantas permanecem suspensas na solução nutriente, como em uma piscina. Geralmente, as plantas são fixadas em placas de isopor, que flutuam sobre a água nutritiva e permitem o desenvolvimento das culturas.

Sub-irrigação

Nesse sistema, a irrigação acontece no sistema radicular, ou seja, de baixo para cima, de maneira periódica (normalmente diária). Trata-se de um sistema fechado em que a solução nutriente retorna para um reservatório, onde são aferidas as suas propriedades para irrigação de acordo com a necessidade da espécie cultivada.

NFT – Nutrient Film Technique

É um sistema moderno e bastante utilizado atualmente por causa da possibilidade de automação e produção elevada. Nesse caso, existe um temporizador que aciona uma bomba, enviando a solução para as raízes de forma intermitente, considerando as necessidades da espécie e produção.

Gotejamento

Como o próprio nome diz, o sistema hidropônico de gotejamento realiza a irrigação por meio de um mecanismo de gotas, que é instalado ao pé da planta cultivada. O sistema também pode ser automatizado, programado para irrigar de forma intermitente ao longo do dia, ainda permitindo o uso de diversos substratos.

Aeroponia

O sistema de aeroponia conta com uma tecnologia mais moderna, o que, consequentemente, exige um investimento mais elevado. O processo de dispersão da solução acontece de forma automática em um duto vertical onde as raízes estão, sendo que as plantas crescem na parte externa.

Como o sistema hidropônico é composto?

Todo sistema hidropônico exige uma estrutura para funcionar bem, e que pode variar de acordo com o tipo e as características estruturais. No entanto, a rede hidráulica é indispensável em todos os casos, por isso, é preciso contar com equipamentos de qualidade.

Nesse sentido, o primeiro passo para saber a composição correta do sistema hidropônico é identificar o tipo ideal para as suas necessidades. Assim, será possível levantar todo o material com precisão e dimensionar os sistemas para obter o máximo de qualidade e produtividade.

De forma geral, um sistema hidropônico conta com os seguintes equipamentos:

Por que conhecer os sistemas hidropônicos é essencial?

Quem deseja iniciar a produção hidropônica deve elaborar um planejamento minucioso, considerando previamente cada etapa do processo. Dessa forma, é possível evitar prejuízos e desenvolver estratégias para ter resultados satisfatórios.

Sendo assim, é imprescindível que o agricultor conheça detalhadamente cada sistema hidropônico para definir qual é a melhor alternativa para atender os seus objetivos — dimensionando o sistema ideal, de acordo com o planejamento financeiro, o espaço disponível e as espécies que serão cultivadas.

Além disso, conhecer bem os sistemas permite que você saiba quais são as melhores marcas e assim, adquirir equipamentos e materiais de alta qualidade, o que é um requisito crucial para evitar transtornos e ter sucesso no novo projeto.

Como você percebeu neste artigo, os sistemas hidropônicos são alternativas ideais para modernizar a agricultura e conquistar um espaço significativo no mercado. Afinal, oferecer alimentos saudáveis e produzidos por processos ambientalmente corretos é um grande diferencial competitivo.

Gostou do post? Se você deseja ler conteúdos incríveis de forma dinâmica e agradável, siga a Sansuy nas redes sociais! Estamos no Facebook, Instagram, YouTube, Twitter e LinkedIn!

Novidades

Cadastre-se na nossa newsletter
e receba notícias em seu e-mail

icon_newsletter

Selecione o assunto do seu interesse

    Banner Tanque Circular

    Materiais Gratuitos