Cadastre-se e receba novidades  
Selecione o assunto de seu interesse:
Enviando sua inscrição  
Loading...
Barracas de Feira

Confira aqui 7 dicas indispensáveis para os feirantes venderem mais

dicas indispensáveis para os feirantes venderem mais

Se você chegou até este artigo procurando por dicas para vender mais, certamente deve saber que, quando se trata de aumentar as vendas na feira, todo esforço é válido. Ainda mais se considerarmos o atual cenário competitivo.

Para isso, é preciso conhecer bem o seu público-alvo, investir em formas de fidelizar os clientes e apostar nos diferenciais competitivos de seus produtos. Mas há muitas outras práticas que podem aumentar os seus resultados e gerar mais lucratividade.

Portanto, neste conteúdo, mostraremos 7 dicas para vender mais que todo feirante precisa conhecer. Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue a leitura do artigo para conferir!

1. Escolha produtos com alta demanda

Atualmente, grande parte do público que frequenta feiras dá preferência ao estilo de vida saudável e a uma alimentação mais regrada. Essas mudanças no comportamento do consumidor levam a uma busca por produtos orgânicos, como frutas, legumes, vegetais e carnes brancas.

Contudo, essas não são as únicas alternativas que atraem os clientes para esse nicho do mercado. O fato é que, independentemente de qual seja o tipo de produto que você vai comercializar, preze por mercadorias de alta demanda. Isto é, que tenham alto potencial de giro, atendendo ao que tiver mais procura do mercado.

Uma dica extra é: equilibre a disponibilidade das ofertas com as exigências dos clientes. Isso é empreender de maneira inteligente!

2. Invista na fidelização de clientes

Você sabia que é mais barato investir na fidelização de pessoas que já consumiram algum de seus produtos do que adquirir novos clientes? Para que você tenha uma ideia, os fregueses fieis correspondem a cerca de 65% do faturamento de um feirante. Isto é, mais da metade de seus ganhos são provenientes de clientes satisfeitos, que retornam todas as semanas.

Dito isso, é mais válido investir em manter esse relacionamento de forma positiva e duradoura do que aplicar a maior parte de seus esforços e técnicas de vendas em públicos que ainda não conhecem seu produto.

O fato é que clientes satisfeitos agregam valor ao negócio, criando autoridade para o feirante e relevância em seu ramo de atenção, sem gerar novos custos. Mas é importante que fique claro que não estamos dizendo para você ignorar as possibilidades de conquistar novos clientes. Inclusive, entre as dicas para vender mais abordadas neste artigo, nos aprofundaremos nesse contexto mais adiante.

3. Aposte em ofertas e promoções

Essa estratégia, se trabalhada com um bom planejamento financeiro, pode ser muito eficiente no aumento das vendas. Afinal, quem não adora um bom desconto?

Em feiras de rua, é muito comum ocorrer uma relação mais flexível entre os vendedores e os fregueses, na qual a negociação por preço faz parte da realidade cotidiana. Porém, para que essa metodologia funcione na prática, sem gerar prejuízos ou correr o risco de perder uma venda, é preciso saber precificar os seus produtos para que os descontos e promoções mantenham-se sempre dentro da sua margem de lucro.

ebook-feirantePowered by Rock Convert

4. Saiba o que vender

Você já definiu quais são os produtos que oferecerá ao público? Nesse setor, variedade é a palavra-chave, mas isso não significa que você não deve ter um planejamento prévio e organizar em categorias o que será comercializado.

Entre as possibilidades, podemos citar:

  • pastéis e salgados;
  • comida caseira;
  • produtos artesanais;
  • bebidas artesanais;
  • temperos e produtos regionais;
  • alimentos frescos e orgânicos;
  • dispositivos eletrônicos e acessórios tecnológicos;
  • roupas, entre tantas outras alternativas.

Lembre-se de levar em conta os aspectos indiretos que a sua escolha pode acarretar, como preço, lucratividade, fabricação e transporte, por exemplo. Em geral, o público que consome em feiras tende a exigir e preferir produtos frescos e artesanais. Porém, isso pode depender do seu planejamento, disposição e da região em que seu negócio está situado.

5. Dê uma atenção especial às leis regionais

Se você pretender vender alimentos ou bebidas, que é uma categoria com grande presença no segmento, é imprescindível conhecer as regras e exigências da fiscalização regional. Obtenha os documentos e licenças certas na prefeitura e com a vigilância sanitária, pois isso pode evitar dores de cabeça por conta de riscos com produção e manuseio de alimentos.

6. Prepare-se com antecedência

Basicamente, essa é uma regra para todo feirante: planejamento com antecedência. Tudo deve ser preparado no dia anterior, principalmente, se estivermos falando de uma feira diurna, que é a modalidade mais comum.

Pense nas necessidades que surgirão ao longo do dia, como troco para os clientes, resfriamento dos alimentos e transporte. Assim, evita passar por problemas desnecessários e perder vendas.

7. Conte com uma equipe preparada

O ritmo de trabalho em uma feira não é para qualquer profissional, concorda? É um meio que exige agilidade mental e proatividade. Sendo assim, se for contar com o auxílio de funcionários em seu negócio, certifique-se de que está lidando com pessoas que são capazes de dar conta das demandas.

Nesse setor, é preciso ser rápido e atencioso — e não estamos falando apenas no manuseio dos produtos e na contagem dos valores pagos e do troco. O fato de lidarmos com diversos consumidores ao mesmo tempo, pedindo coisas diferentes e fazendo diversas perguntas sobre os produtos, não significa que a qualidade do atendimento não deva ser uma das prioridades.

Afinal, o bom atendimento é uma das ferramentas mais poderosas na fidelização de consumidores. Se você deseja que os fregueses voltem para comprar novamente na semana seguinte, conte com pessoas preparadas para auxiliar nas vendas. Sem dúvida, isso influenciará nos resultados das vendas e na satisfação do consumidor.

Como você pôde conferir com nossas dicas para vender mais em feiras, esse segmento exige muita agilidade e jogo de cintura. É imprescindível fornecer um atendimento de qualidade, produtos diferenciados e contar com uma equipe disposta a superar desafios diariamente.

Além disso, mostramos como é importante saber se organizar com antecedência para garantir uma logística eficiente em termos de transporte e armazenamento dos produtos.

As dicas foram úteis para que você aumente suas vendas na feira? Então, com certeza, você também se interessará pelo nosso artigo sobre as principais técnicas de persuasão!

Powered by Rock Convert