Voltar para a página inicial

O que é terraceamento agrícola? Conheça seus benefícios

Modificado em: maio 31, 2023

O terraceamento agrícola é uma prática muito importante para a conservação do solo e da água, proporcionando diversos benefícios para uma propriedade. Consiste na oportunidade de fazer plantios, ter produtividade e ainda manter o solo fértil, favorecendo os resultados.

Em outras palavras, o terraceamento é uma técnica que ajuda a reter a água e a evitar erosões, que causam grandes consequências para a plantação — por isso, é um fator extremamente relevante para o agricultor e faz toda a diferença no desempenho dos cultivos.

Afinal, você sabe o que é o terraceamento agrícola? Se deseja conduzir suas atividades da melhor forma, esse é um assunto indispensável. Pensando nisso, confira neste post o conceito dessa técnica, como funciona e os benefícios que ela proporciona para a sua propriedade!

O que é o terraceamento agrícola?

Essa é uma técnica de plantio conservacionista que organiza um terreno inclinado em plataformas ou terraços separados por sulcos. Sendo assim, o terreno é dividido em níveis diferentes para a plantação, uma prática milenar, adotada pelos povos Incas.

Diante disso, o terraceamento evoluiu e existe em diferentes tipos, que são classificados de acordo com os seguintes fatores:

  • função;
  • largura da base ou faixa de terra;
  • capacidade de retenção de água;
  • processo de construção;
  • perfil do terreno.

Nesse sentido, o objetivo do terraceamento agrícola é reorganizar uma área de vertente, ou seja, terrenos inclinados, em plataformas com caimento suave. Assim, a água da chuva escoa lentamente, perdendo a força e causando menor impacto, como a erosão e a perda de nutrientes do solo.

Como essa técnica funciona?

O conceito do terraceamento agrícola é simples, assim como sua aplicabilidade. A técnica pode ser aplicada em terrenos inclinados, ondulados, encostas leves e áreas irregulares — que possam ser prejudicadas pelas erosões causadas pela chuva e dificultar o cultivo de espécies.

Para fazer o terraceamento, o agricultor pode usar um trator e um arado, além de contar com instruções específicas. Assim, o processo funciona da seguinte forma:

  • avaliação do solo;
  • definição da declividade do solo;
  • marcação do terreno;
  • definição da distância entre terraços;
  • instalação dos piquetes na curva de nível;
  • construção dos terraços com o trator;
  • análise das inclinações.

Após a conclusão do terraceamento, os trabalhos para o plantio começam, com a semeadura e a definição dos sistemas de irrigação. Assim, o solo vai estar protegido e, em caso de chuvas, as atividades erosivas e o carreamento de nutrientes são evitados.

Quais os benefícios do terraceamento agrícola?

A técnica de terraceamento do solo tem eficácia comprovada a centenas de anos, possibilitando cultivos em locais inclinados sem provocar danos ao solo. Sendo assim, é uma forma inteligente de ter um terreno em ótimas condições para alcançar a produtividade.

Veja, em detalhes, quais os principais benefícios de aplicar o terraceamento agrícola!

Capacidade de cultivo aumentada

Normalmente, os agricultores procuram espaços planos e que facilitem os processos de plantio e cuidados com o desenvolvimento das espécies. No entanto, ao usar os taludes e as áreas inclinadas, a produção pode ter ainda mais volume e melhorar os resultados.

Conservação da água

O terraceamento agrícola é uma técnica que contribui para a conservação das águas subterrâneas e superficiais. Ao evitar erosões, é possível preservar os mananciais e manter a terra úmida por mais tempo. Com isso, até o uso de tubo para irrigação pode ser beneficiado.

Evita erosões no solo

Um dos principais objetivos do terraceamento agrícola é nivelar o terreno inclinado em plataformas suaves, evitando que a água da chuva ganhe velocidade. Assim, as atividades erosivas são eliminadas, o que evita impactos ambientais severos e que comprometem a qualidade do solo.

Preserva a qualidade do solo

A erosão causada pela água da chuva leva ao carreamento de nutrientes e compostos orgânicos essenciais para o desenvolvimento das espécies, tornando o solo pobre. Sendo assim, o terraceamento agrícola é a melhor alternativa para preservar a fertilidade do solo, principalmente quando combinado com as seguintes técnicas:

Evita o carreamento de adubo

Durante os períodos chuvosos, a principal preocupação com as áreas inclinadas é o carreamento dos adubos, devido ao escoamento superficial. Nesse sentido, o terraceamento é a solução ideal, protegendo o terreno e mantendo a adubação mesmo em caso de chuvas intensas.

Amplia os espaços para plantio

Para ter produtividade é necessário usar maiores espaços. No entanto, isso é um desafio em muitas propriedades rurais, devido ao relevo montanhoso. Diante disso, o terraceamento permite que o agricultor faça plantações em terrenos inclinados e aumente as possibilidades para a produção.

Por que a análise das condições da propriedade é essencial?

O sucesso das técnicas agrícolas depende de diversos fatores, sobretudo, de uma análise minuciosa das condições do terreno. Trata-se de uma forma para identificar as melhores estratégias para o plantio, que sejam adequadas para a propriedade e com menor custo possível.

Ainda mais quando o assunto é o terraceamento agrícola, que existe em diversos tipos adaptáveis em cada tipo de inclinação do terreno e qualidade do solo. Por isso, o estudo e o planejamento é indispensável para saber qual a melhor maneira para potencializar os resultados.

Nesse sentido, antes de escolher o tipo de terraceamento que adotará, é preciso considerar:

  • topografia do terreno;
  • características do solo;
  • espécie que será plantada;
  • condições climáticas;
  • disponibilidade de máquinas;
  • sistemas de irrigação;
  • sistema de cultivo.

Após analisar esses aspectos, você vai saber como o terraceamento será conduzido, para evitar perdas e prejuízos. Além disso, também é importante evitar fazer esse tipo de serviço em épocas próximas da chuva — para não ser surpreendido durante os trabalhos e ter grandes complicações.

Como você pôde perceber, o terraceamento agrícola é uma técnica interessante para determinadas propriedades e oferece vantagens importantes. Por esse motivo, avalie as condições do seu terreno e considere essa estratégia para potencializar os cultivos e preservar a fertilidade do solo.

Gostou do post? Se deseja ver mais conteúdos e novidades sobre assuntos importantes, não perca a oportunidade e siga a Sansuy nas redes sociais! Estamos no Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn e YouTube!

Novidades

Cadastre-se na nossa newsletter
e receba notícias em seu e-mail

Selecione o assunto do seu interesse

    Banner Tanque Circular

    Materiais Gratuitos