+55 (11) 2139-2888 [email protected] Voltar para a página inicial
ACESSAR LOJA
+55 (11) 2139-2888 [email protected]
×

Quer saber como montar um toldo? Veja o que é preciso!

Modificado em: junho 6, 2024

A montagem da estrutura para toldo é um processo que exige atenção e dedicação para evitar erros que podem comprometer a qualidade do produto. Por isso, seja para uso próprio ou para terceiros, saber como montar o toldo da maneira adequada é indispensável.

Ao saber montar o toldo, você poderá entregar o produto ao cliente de forma mais rápida e não dependerá de terceiros para este processo. Mas é fundamental que o esquema de montagem seja seguido fielmente, garantindo a segurança à nova cobertura.

Se você deseja saber como montar a estrutura para toldo e garantir resultados surpreendentes, está no lugar certo! Continue a leitura deste post e tire todas as suas dúvidas sobre o assunto para atender com qualidade e ampliar o seus faturamentos. Aproveite!

Os tipos de toldo

Antes de iniciar o processo de montagem, é fundamental conhecer quais os tipos de toldo que existem. As principais diferenças entre os modelos de toldo estão relacionadas ao tipo de material e formato, o que permite atender diversas necessidades pessoais ou comerciais.

No mercado há vários modelos, mas os principais são:

  • fixos: são os mais comuns e usados em ambientes onde não é necessário remover o equipamento;
  • retráteis: são indicados para áreas onde você pode escolher se quer ou não desfrutar do sol. Eles geralmente apresentam fácil manutenção, principalmente devido à facilidade no manejo;
  • embutidos: são indicados para projetos que primam pela aparência discreta. Eles contam com braços articulados e, quando recolhidos, ficam guardados dentro de uma estrutura;
  • verticais: os toldos verticais ou cortina são indicados para áreas que necessitam de proteção lateral contra o vento ou a chuva;
  • piramidais: o toldo pirâmide ou piramidal leva este nome justamente pelo formato e é usado principalmente em eventos e áreas externas;
  • capôs: são instalados principalmente sobre portas e janelas e podem ser fixos ou retráteis, de acordo com a necessidade de entrada de luminosidade. Além disso, podem ser nos formatos retos, ou então semi curvados, lembrando o formato de um capô;
  • túneis: o túnel ou passarela é indicado para áreas de circulação de pessoas entre áreas e são instalados geralmente em entradas de prédios ou escolas;
  • transportáveis: são toldos com estruturas independentes e desenvolvidos para serem transportados conforme a necessidade;
  • braços tensores: são toldos com braços móveis que permitem que a lona seja esticada para diversas posições, conforme a necessidade.

A importância de conhecer a estrutura para toldo

Embora pareça uma estrutura simples, o toldo tem funções essenciais para uma residência ou negócio, oferecendo proteção e resistência. Trata-se de um produto que contribui para evitar a ação do tempo, seja dos fortes raios solares, do vento e períodos de chuva.

Sendo assim, conhecer bem a estrutura para toldo é fundamental para montar da maneira correta e garantir a eficiência do produto. Além de evitar desgastes e danos precoces que sempre comprometem a satisfação, causando danos e contratempos desagradáveis.

Portanto, conhecer a estrutura é importante para saber quais os cuidados específicos tomar para uma montagem segura e correta. Dessa forma, você vai saber instalar o toldo de acordo com cada situação e atender exatamente às necessidades dos seus clientes.

O que é preciso para montar um toldo

Para montar um toldo, é necessário, antes de tudo, que você defina qual modelo será usado e onde ele será instalado. Tenha certeza ainda das medidas que o toldo terá e como será feita sua fixação, de forma que promova a durabilidade e resistência.

Além disso, cuidar da segurança é imprescindível para evitar acidentes durante e após a instalação do produto no local. Sendo assim, para montar um toldo é preciso ter diversos cuidados e seguir um procedimento para ter atividades práticas e eficientes.

Veja tudo que é preciso para montar a estrutura para toldo!

Analise o espaço

O primeiro passo para a instalação é analisar o espaço disponível para o equipamento, analisando toda a estrutura. É preciso que as dimensões do toldo sejam compatíveis com o espaço, para ter um ambiente bonito e que ofereça a devida proteção.

Sendo assim, a área onde o toldo será fixado requer atenção especial, por isso, tenha certeza de que a parede tem a resistência necessária ou se será preciso a instalação de pés para garantir proteção extra, sempre atentando para a média e nivelamento da estrutura.

Priorize a qualidade dos materiais

Após analisar o espaço e definir as medidas, é essencial contar com materiais de qualidade, que sejam produzidos por empresas reconhecidas. Portanto, escolha materiais da estrutura para todos que sejam resistentes e com a capacidade para resistir o peso e ação do tempo.

Superada esta etapa, você precisará de uma lona de qualidade na medida certa para o espaço, ferragem de sustentação, rebites, parafusos e as demais ferramentas para todo o processo de montagem e instalação do toldo, processo que também merece atenção especial.

Lembre-se de que é fundamental ter os materiais certos para a montagem da cobertura, garantindo que ela tenha a melhor qualidade e que seja durável, cumprindo o papel para o qual será instalado, ou seja, proporcionando segurança, resistência e proteção.

Observe o sol

Uma das funções mais relevantes do toldo é a proteção contra os raios solares, por isso, é preciso que esteja bem posicionado no local de instalação. Para tanto, você deve avaliar bem a incidência do sol durante o dia, para planejar a melhor posição para o toldo.

Nesse contexto, antes de iniciar o processo para instalar o toldo, faça uma visita no local e avalie a posição que o sol incide no ambiente. Assim, você vai saber qual a melhor posição para colocar o toldo e proporcionar a devida proteção para os espaços.

Tenha ferramentas e mão de obra de qualidade

Se necessário, não abra mão de ter a colaboração de alguém que entenda profundamente sobre a montagem de um toldo. Investir numa mão de obra qualificada garante maior qualidade ao toldo e que ele fique exatamente como foi planejado.

Além disso, antes de se aventurar na montagem de um toldo, tenha certeza que possui as ferramentas necessárias para o trabalho. Tentar “inventar” nessa hora geralmente não dá muito certo, e o resultado pode ser desastroso. Então, evite dar uma de “MacGyver” e siga o plano inicialmente traçado.

Compre ferramentas de qualidade

Procure trabalhar com ferramentas de qualidade, para evitar que durante o processo de montagem ocorra algum imprevisto. Para isso, busque lojas especializadas que entendam exatamente do que você precisa, oferecendo a solução ideal para cada processo da montagem.

O mesmo vale para as ferragens. Escolha materiais resistentes, leves e que tenham grande durabilidade. Novamente, nessa hora, nada de querer inventar. Siga exatamente as orientações do modelo escolhido e as aplique. Não é à toa que elas foram desenvolvidas dessa forma.

Escolha bons fornecedores

Uma forma eficiente de ter bons materiais é optando por bons fornecedores. Faça uma pesquisa sobre o material necessário e verifique em sua cidade ou região quem poderá fornecer os itens, de acordo com cada tipo de material que vai precisar.

Além disso, também é importante consultar a credibilidade dos vendedores para ter certeza de que fará um bom negócio. Lembre-se de que um serviço de qualidade será melhor valorizado pelo cliente e consequentemente, vai render melhores resultados.

Um item que requer atenção especial é justamente a lona escolhida. No mercado há grande variedade de fabricantes, materiais e resistências. Algumas são duvidosas e poderão comprometer todo o seu trabalho e sofrer danos precoces, que procam situações desagradáveis.

Portanto, opte por lonas com referências, como as fabricadas pela Sansuy, que contam com excelente histórico e podem ser facilmente identificadas marca d’água no avesso da lona, ou seja, produtos específicos e modernos para resistir ao tempo.

Faça um estoque

Agora que você já entendeu como montar um toldo, que tal surpreender seus clientes e passar a contar com um estoque de modelos, que agiliza o processo de instalação? Para isso, verifique quais os modelos mais vendidos, se eles seguem um tamanho padrão e qual a opção de lona que mais tem saída.

Dessa forma, você terá como diferencial competitivo em relação aos seus concorrentes a agilidade na entrega do toldo. Conhecendo melhor o mercado e seus clientes, é possível inclusive indicar as melhores opções baseadas naqueles toldos que você já possui em estoque.

Se necessário, faça sob medida, para que o pedido do cliente seja atendido e ele fique 100% satisfeito com o trabalho – fator que contribui para ter a fidelidade e aumentar a sua rede de contatos para ter demandas em todas as épocas e ser reconhecido no mercado.

A manutenção periódica

Além de uma correta instalação e contar com materiais de qualidade, também é essencial realizar manutenções periódicas. É uma atividade que realiza inspeções e identifica possíveis danos antes que comprometam toda a estrutura, contribuindo para ter maior durabilidade.

Dessa forma, invista em manutenções periódicas para garantir que os equipamentos que instalou sejam eficientes e estejam sempre em boas condições de uso. Sobretudo, para oferecer serviços completos e promover a satisfação com o produto e com o seu trabalho.

Como você pode perceber em nosso artigo, o processo de montagem de uma estrutura para toldo requer atenção em todas as etapas. Porém, ao seguir as nossas dicas, você tem a certeza de que atenderá perfeitamente ao pedido dos clientes e se tornar referência em sua área.

Gostou do post? Agora que entendeu mais sobre o assunto, deixe aqui o seu comentário! Compartilhe conosco como foi a sua experiência e opinião sobre a montagem de toldos!

Novidades

Cadastre-se na nossa newsletter
e receba notícias em seu e-mail

icon_newsletter

Selecione o assunto do seu interesse

    Materiais Gratuitos