Voltar para a página inicial

Não perca 8 dicas para fazer uma decoração de piscina impecável

Modificado em: maio 31, 2023

Uma piscina por si só já dá uma nova cara para sua casa. Além de ser um ambiente perfeito para se refrescar e aproveitar com a família e amigos, ela transmite um charme especial. Para que o espaço fique realmente impecável, é essencial investir em acessórios harmoniosos que incrementem o design da piscina.

No entanto, como se trata de uma área externa, que passará pelas quatro estações do ano, é importante ter em mente uma decoração de piscina que combine com o espaço em qualquer época. Iluminação, paisagismo, móveis e outros itens podem agregar ainda mais valor ao ambiente.

Para auxiliar nesse processo de escolha, preparamos este artigo em que listamos 8 itens fundamentais para tornar sua piscina um espaço perfeito em sua casa. Confira!

1. Decore o revestimento da piscina

Decorar as bordas de uma piscina é uma maneira simples, porém eficaz, de adicionar seu estilo à paisagem. Essa dica é ainda mais vantajosa para espaços pequenos onde não cabem muitos objetos, ou ainda para uma decoração mais minimalista. Veja alguns exemplos de materiais que podem ser usados para esse fim.

Vinis decorativos

Uma das formas de dar uma nova cara a sua piscina é investir em vinis decorativos. Tratam-se de lonas de PVC feitas especialmente para revestir a sua piscina e a borda. Escolhendo o modelo ideal de estampa, ele garantirá mais alegria e inovação ao espaço.

Como são feitos em vinil, eles têm durabilidade, mesmo estando constantemente molhados, além de serem naturalmente impermeáveis. Há, no mercado, uma variedade extensa de modelos, todos trazendo grande facilidade de aplicação.

A manutenção desse material é um pouco mais complicada. Ao longo do tempo o vinil pode apresentar furos, assim como o revestimento por baixo dele pode precisar de manutenção. Nesses casos, você deve procurar por mão de obra especializada.

Pastilhas de vidro

As pastilhas de vidro são muito versáteis em decorações, sendo ideais para quem deseja um brilho a mais no ambiente. A grande vantagem desse material é que o vidro é bastante durável e resistente, além de não desbotar com o tempo e ser de fácil limpeza.

O principal cuidado que se deve ter é na instalação, já que a nivelação do local deve estar perfeita para não transparecer nenhum defeito por meio das pastilhas. Por isso o trabalho de um profissional é essencial nesse momento.

Azulejos

Se você deseja uma aparência mais tradicional a sua área de lazer, o azulejo é a escolha ideal. Largamente utilizados em piscinas, eles são duráveis e apresentam menor custo de aquisição. Outra vantagem é em relação a suas cores: além de apresentarem variedade, elas influenciam na aparência da água, dando um charme especial ao lugar.

A limpeza de sua superfície pode ser feita facilmente com uma escova macia. No entanto, é preciso ter atenção especial aos rejuntes, que tender a acumular sujeira e favorecer o aparecimento de limo e fungos.

Pedras decorativas

As pedras ainda não são muito utilizadas em piscinas, mas estão conquistando cada vez mais espaço nas decorações devido a sua aparência e benefícios funcionais. Elas podem ser usadas tanto no revestimento da piscina quanto na área em seu entorno, pois funcionam como um piso antiderrapante. Pedras também são ótimas para manter o ambiente mais fresco.

O maior cuidado que se deve ter com as pedras é na limpeza. Por absorverem mais água, elas tendem a acumular sujeiras. No entanto, uma limpeza regular com uma esponja mais grossa ou lavadores de alta pressão é o suficiente para manter sua higiene.

2. Saia do tradicional azul-claro

Outra forma de dar um novo aspecto à piscina e seu entorno é investindo em lonas de PVC decoradas. Há tempos que aquele azul-claro deixou de reinar absoluto nas piscinas, dando espaço para peças com espaços e desenhos geométricos.

Além disso, você pode apostar em outras cores que estão virando tendência, como o verde e o branco, que entregam um efeito minimalista. Há, inclusive, opções de estampas vintage que transformarão sua piscina em uma verdadeira obra de arte.

Mas é claro, tenha a certeza de que a cor da piscina combine com o resto da decoração, além de outros cuidados básicos. Tenha em mente que cores mais claras refletem sujeira e imperfeições com mais facilidade, por isso seja bem caprichoso na limpeza e instalação. Já cores escuras e estampas são mais sujeitas a desbotamentos, devendo ser de materiais que previnam esse problema.

3. Invista em um deck

Um deck dará um ar sofisticado à área e garantirá um espaço a mais para se confraternizar com os amigos e fazer aquele churrasco nos finais de semana.

Há diversos tipos de materiais que podem ser usados, e é importante você estar atento a sua durabilidade ao ar livre e resistência a água. Às vezes, é melhor gastar um pouco mais e ter a certeza que terá um produto de longo prazo. Confira os materiais mais usados em decks.

Madeira

A madeira é de longe o material mais clássico utilizado em decks. Além de conferir um visual sofisticado, a madeira oferece segurança aos usuários da piscina por ser antiderrapante e mais conforto térmico em dias quentes. As madeiras mais usadas são o ipê e a itaúba, mas o jatobá, a maçaranduba e o cumaru também são opções adequadas.

As madeiras exigem vários cuidados, desde a sua compra até a utilização. Primeiramente, é necessário verificar a legalidade da sua procedência, pois os estabelecimentos podem usar madeira proveniente de desmatamentos e até mesmo de mão de obra escrava.

As principais formas de verificar a legalidade da madeira são pelo certificado Forest Stewardship Council (FSC) ou pelo Documento de Origem Florestal (DOF). Quem mora em São Paulo pode ainda conferir se o nome da empresa consta na lista do Cadmadeira. No entanto, esse cadastro é voluntário e só vale para comerciantes de SP.

Outra característica importante das madeiras para decks é que devem ser tratadas contra cupins e apodrecimento. Sua instalação e manutenção devem ser feitas por profissionais qualificados, pois precisam de espaço para dilatação e cuidados para não absorverem umidade do solo.

Madeira plástica

Além da tradicional madeira, há materiais plásticos que podem ser usados na construção. A madeira plástica, sintética ou ecológica é um composto de materiais reciclados. Seu material é altamente resistente à umidade, aos fungos e aos cupins, além de não produzir rachaduras nem farpas.

Sua aparência é bem semelhante à madeira comum, podendo ser pigmentada ainda em sua fabricação ou manualmente.

Cerâmica

Se sua preferência é por pouca manutenção, invista na cerâmica que imita o estilo amadeirado. Ele não dará todo o charme do deck tradicional, mas deixará sua piscina com um capricho a mais. Sua instalação exige profissionais especializados, porém a manutenção é mais simples do que em madeiras.

Guarda-sóis e toldos

A piscina não se resume à diversão dentro da água, mas também ao relaxamento no seu entorno. Eventualmente, as pessoas querem apenas descansar na sombra enquanto desfrutam da paisagem. Por isso, tenha também guarda-sóis ou toldos, para garantir que o espaço possa ser aproveitado o dia todo, mesmo nos dias e estações mais quentes do ano.

Com suas várias opções de formatos, materiais e cores, os toldos também funcionam com um complemento à arquitetura do espaço.

4. Faça questão de móveis

Nada como sentar à beira da piscina numa tarde ensolarada. Para que o conforto seja completo, invista na compra de móveis próprios para áreas externas: eles são mais duráveis e foram projetados exclusivamente para ficarem expostos aos efeitos do sol e da chuva sem apresentarem problemas.

Quando for escolher os móveis, prefira aqueles feitos em fibra sintética e em alumínio, que apresentam muito mais resistência se comparados aos feitos em madeira ou fibra natural e ferro. Além disso, almofadas deverão ser feitas com tecidos impermeabilizados. Isso garantirá que elas poderão ser usadas mesmo pelas pessoas molhadas pela piscina.

Aqui podemos citar mais uma utilidade dos toldos, que é na conservação dos móveis ao protegê-los da ação direta do sol e outras condições climáticas.

5. Crie um ambiente aconchegante

A piscina já torna o ambiente de nossos lares muito mais convidativo. Porém, ele pode ser ainda melhor com a compra de poltronas, espreguiçadeiras, chaises, puffs, bancos, balanços e tantos outros itens (lembrando sempre de considerar os materiais duráveis citados anteriormente quando for fazer a escolha).

Se você quer relaxar totalmente, não se esqueça de uma boa rede. A falta de árvores não é mais problema, já que existem suportes específicos no mercado para sua colocação.

6. Adicione requinte com uma cascata

Uma das melhores formas de dar um novo visual à sua área da piscina é investindo numa cascata. No entanto, definir qual o modelo ideal não é das tarefas mais fáceis, já que existem vários tipos no mercado.

Materiais utilizados

Entre os modelos, você poderá encontrar os de alvenaria, vidro, pedras naturais, e PVC. Como ela utiliza água da própria piscina, é importante estar atento ao fato que cada material reage de uma maneira aos produtos usados no tratamento da piscina. Prefira aqueles que exigem menor manutenção, mas jamais abra mão do estilo!

Benefícios de cascatas

As cascatas não beneficiam apenas o visual, pois o movimento da água promove sua oxigenação e a homogeneização dos produtos utilizados em seu tratamento. Adicionado a isso, a imagem e o barulho da água caindo contribui para o relaxamento de quem estiver no local.

Cuidados especiais

Sua escolha também exige alguns cuidados básicos, pois devem estar de acordo com o tamanho da piscina. Cascatas grandes em piscinas pequenas podem fazer a água ser jogada para fora, enquanto cascatas pequenas em piscinas grandes não movimentam a água de forma eficiente. Já em piscinas frequentadas por crianças não é adequado o uso de jatos fortes e que fiquem ao alcance dos pequenos.

7. Tenha uma iluminação especial

Uma forma de garantir um charme especial à decoração de piscina é investir em sua iluminação. Além de criar efeitos fantásticos, ela garante mergulhos noturnos seguros. Contudo, para que de fato a iluminação contribua para a decoração da piscina, é necessário que esse investimento seja planejado.

Modelos indicados

No mercado, é possível adquirir modelos de projetores, refletores e lâmpadas especiais para uso externo. Procure iluminar pontos considerados importantes e que darão, de fato, um efeito especial à sua piscina. Refletores verdes, por exemplo, quando direcionados para as árvores, são um show à parte.

Para piscina, o mais indicado é iluminação em fibra ótica. Elas são consideradas as mais modernas que existem no mercado, destacando-se principalmente pela segurança. Além da iluminação subaquática, invista também na iluminação perimetral da piscina, com fitas de fibra ótica que são instaladas em todo o seu contorno. Ela ficará linda!

Cascatas iluminadas

Se procura um visual ultrassofisticado e não tem medo de investir, então a cascata com iluminação embutida é a solução perfeita para você! Esse modelo é produzido em acrílico com led em seu interior. Quando acesas, as luzes iluminam a peça e o jato d’água, proporcionando uma paisagem noturna única.

8. Transforme sua piscina em um oásis

Para ter uma decoração de piscina impecável, não deixe de fora plantas decorativas. Um bom paisagismo no entorno dessa área dará mais alegria e frescor, tornando o ambiente convidativo e relaxante, assemelhando-se a um oásis.

Plantas ideais

Nesse quesito, porém, é necessária atenção: se for investir em palmeiras para deixar o espaço com cara de ambiente praiano, prefira espécies que não causam sujeira e resistem tanto ao frio quanto ao calor. Nesse ponto, as melhores opções no mercado são a palmeira-fênix e a jerivá. Elas atingem altura máxima de quatro metros e darão uma sombra maravilhosa nos dias de forte calor e sol.

Já para quem quer vida e muita cor, a dica é pelas flores. Prefira aquelas que exigem baixa manutenção como hibiscos, gardênias, abélias, orquídeas e a strelitzia. Para aqueles que gostam de renovar o ambiente frequentemente, há os buxinhos e o pingo de ouro, que podem ser plantados em vasos e, inclusive, aceitam podas artísticas.

Cuidados no espaçamento

Uma dica é evitar ter, próximo à piscina, árvores cujas folhas caem constantemente. Isso exigirá uma manutenção ainda mais frequente da piscina para que a água esteja sempre em plenas condições de uso. Além disso, os próprios produtos químicos contidos na água da piscina são prejudiciais às plantas, por isso o contato deve ser evitado.

O cuidado na escolha das plantas ornamentais também deve se estender a suas raízes. Algumas plantas têm raízes tão fortes que são capazes de destruir a estrutura da piscina e, por isso, devem respeitar um espaçamento mínimo.

Como vimos, há inúmeras maneiras de melhorar o visual de sua piscina e deixá-la ainda mais convidativa. Porém, de nada adianta se a água não estiver limpa. Uma forma de garantir que a limpeza seja mais duradoura é investindo numa capa eficiente para a piscina. Ela evitará que folhas e insetos caiam enquanto a piscina não estiver sendo usada.

Uma solução eficaz é investir em uma lona. Nesse quesito, a Sansuy é especialista e tem produtos de qualidade e com as melhores certificações do mercado. Assine agora mesmo nossa newsletter e receba conteúdos como este e muitos outros diretamente no seu e-mail!

Novidades

Cadastre-se na nossa newsletter
e receba notícias em seu e-mail

Selecione o assunto do seu interesse

    Materiais Gratuitos