Voltar para a página inicial

Dez cuidados com cargas frágeis!

Modificado em: maio 31, 2023

As cargas frágeis podem ser um desafio para o transporte. Elas precisam ter uma atenção especial, pois a falta de cuidado durante o deslocamento pode gerar muitos prejuízos aos itens delicados.

Para ajudar, vamos explicar algumas medidas cruciais para lidar com esse tipo de carga. Vamos explicar o que é considerado carga frágil, apontar alguns cuidados necessários com ela, mostrando o que fazer quanto à embalagem, manuseio, sinalização, umidade e água, entre outros aspectos.

Fique conosco e saiba como proteger a sua mercadoria!

O que é uma carga frágil?

Ela consiste em produtos que são facilmente danificados. Ao pensar nesse tipo de carga, os mais óbvios são os objetos feitos de vidro e de matéria-prima mais delicada, além dos produtos alocados em recipientes compostos desses materiais.

Contudo, não somente estes, mas outros itens também são considerados cargas frágeis. Os dispositivos eletrônicos, os eletrodomésticos e peças de máquina, apesar de serem bens mais duráveis, também apresentam, cada um, o seu nível de fragilidade. Alguns exemplos são:

  • aparelhos eletrônicos;
  • equipamentos audiovisuais;
  • quaisquer objetos de vidro;
  • quaisquer objetos de cristal;
  • quaisquer objetos de louça;
  • quaisquer objetos de cerâmica;
  • turbinas de avião (nesse caso, é necessário ter atenção em dobro, pois, se danificada durante o transporte e a quebra não for percebida, pode prejudicar a decolagem e segurança durante o voo).

Por isso, os responsáveis pelo transporte do item frágil devem ter um plano de manuseio na carga e descarga e durante o deslocamento. Para tal, vamos apontar algumas medidas sobre isso.

Como realizar o transporte de cargas frágeis?

O planejamento ao lidar com esse tipo de carga é indispensável, pois é necessário traçar métodos antes mesmo de recebê-la, a fim de que a manipulação dos itens seja feita com cuidado durante todo o procedimento. Confira alguns aspectos sobre isso a seguir!

1. Armazenagem

As condições do estoque são indispensáveis ao conservar as cargas frágeis em algum espaço. Elas precisam ser preservadas em um local longe das demais mercadorias comuns.

Isso para evitar contaminações por umidade, sujeira e micro-organismos, além de viabilizar um carregamento mais fácil e seguro até o caminhão.

2. Embalagens

Essa é uma característica decisiva para manter cargas frágeis seguras. Nesse caso, a matéria-prima da embalagem precisa ser resistente. Geralmente, é utilizado o papelão, mas esse elemento é delicado e suscetível a rasgos e danos por umidade.

O ideal é empregar recipientes de matéria-prima duráveis, como caixas de madeira ou de plástico mais firmes e rígidas.

Além da segurança para as cargas frágeis, outra vantagem dessas peças é que elas não são descartáveis e, assim, podem ser utilizadas por bastante tempo, possibilitando a economia com embalagens.

3. Proteção

Outra medida é o invólucro antes de colocar a mercadoria nas caixas. É interessante enrolar os produtos frágeis em sacos-bolha, forros, cantoneiras ou isopor, mantendo os itens bem firmes e protegidos dentro da caixa.

Complementar a isso, podem ser aplicadas lonas para proteger a carga de umidade, contaminação por sujeira e insetos.

4. Sinalização

Etiquetas são indispensáveis para alertar as pessoas ao redor e as responsáveis pela carga sobre a fragilidade do material. São adesivos fundamentais que vão informar os ignorantes sobre a natureza da carga e relembrá-la aos já cientes de tal aspecto (o que pode ser esquecido).

Para tal, cole adesivos com bastante destaque, como letras vermelhas grandes, com a palavra FRÁGIL. Este aviso deve constar, de modo visível, em todos os lados da caixa.

5. Disposição e entrega dos itens

Cargas mais delicadas precisam ir por cima das mais resistentes. Evite ainda movimentações constantes ao entregar os produtos, já que quanto mais deslocamentos dos itens, mais chances de danos.

6. Peso

O empilhamento das caixas precisa ser efetuado com atenção ao peso das caixas. Se constatado peso em excesso, as mercadorias podem ser trincadas ou ter avarias mais sérias.

7. Organização no veículo

Durante o percurso, haverá buracos, lombadas, ladeiras, trepidações e outras instabilidades no movimento que são capazes de prejudicar as cargas. Por isso, ao colocar as cargas frágeis no veículo, além do peso, é necessário atentar para a firmeza delas dentro do caminhão.

As mercadorias precisam estar bem firmes no trajeto. Para isso, podem ser empregados pallets, que possibilitam empilhar as caixas e mantê-las com equilíbrio. Lonas são outros materiais que dão aderência no contato da carga com o assoalho do veículo, intensificando a firmeza e a estabilidade durante o movimento.

8. Equipe treinada

As pessoas responsáveis pela carga, descarga e transporte devem ser treinadas. Elas devem saber os perigos ao manusear tais mercadorias, além dos cuidados necessários.

Sem isso, pode acontecer uma manipulação inadequada e, consequentemente, a perda de produtos. Por outro lado, pode haver excesso de cuidado, o que vai gerar perda de tempo e queda produtiva.

Pessoas treinadas para isso realizam a carga, a descarga e o transporte com o cuidado necessário, sem perder tempo.

9. Manutenção da frota

Os veículos precisam passar por manutenções preventivas regulares. Isso parece não ter relação com cargas frágeis, porém, caminhões sem balanceamento e desalinhados, por exemplo, trepidam muito mais do que os veículos com a regulagem em dia — e essa movimentação pode prejudicar a carga.

Outros aspectos dizem respeito à redução de acidentes. A manutenção vai verificar toda a estrutura do caminhão, examinando freios e direção, por exemplo. Isso mantém a segurança dos profissionais e da carga.

10. Condições gerais dos veículos

Relacionado ao item anterior, é necessário observar a situação do caminhão após uma entrega, sobretudo para cargas que exigem uma temperatura exata para se manterem intactas.

Além disso, avaliar características automotoras, ainda que superficialmente, após uma viagem também diminui as chances de acidentes.

As cargas frágeis são itens que merecem um cuidado redobrado. O dano, muitas vezes, não é perceptível a olho nu, como eletrodomésticos ou eletrônicos, que podem quebrar peças internas, acarretando o funcionamento incorreto ao utilizá-los. Isso gera muita insatisfação ao cliente.

Outras, como vidro ou cerâmica, são mais notáveis quando ocorre alguma avaria, dando tempo de evitar ao menos a entrega.

Independentemente de quais sejam as cargas frágeis, o cuidado é indispensável para impedir perdas e experiências negativas com os clientes. Então, não deixe de se atentar aos itens mencionados neste texto e fazer o melhor durante o seu transporte de cargas.

Visite nossa loja e confira produtos que vão ajudar você a manter as cargas frágeis seguras durante o deslocamento delas!

Novidades

Cadastre-se na nossa newsletter
e receba notícias em seu e-mail

Selecione o assunto do seu interesse

    vinilona_cinza_20_2_1

    Materiais Gratuitos