+55 (11) 2139-2888 [email protected] Voltar para a página inicial
ACESSAR LOJA
+55 (11) 2139-2888 [email protected]
×

Veja 3 formas de otimizar sua criação de tilápias

Modificado em: maio 31, 2023

Piscicultores preocupados em manter a qualidade do seu produto devem ficar por dentro das melhores práticas para a otimizar as suas criação de tilápias. Nesse sentido, faz-se necessário utilizar o que existe de melhor no mercado e ter à disposição um leque de opções para o seu dia a dia como produtor. Além disso, saber tirar proveito de sistemas alternativos também é uma maneira de sair na frente dos seus concorrentes!

Não perca tempo e aprenda as nossas maiores dicas para obter sucesso na sua cultura de peixes. Confira o conteúdo completo!

Importância da redução de custos para a sua produção

As despesas da sua criação interferem diretamente no valor final dos seus produtos. Como consequência desse fato, o seu lucro também sofre alterações. Por esse motivo, é muito importante investir em reduções de custo, de modo que os processos sejam otimizados e tragam resultados positivos durante o balanço final do mês.

Assim, quanto maior for o investimento para economizar, menor será o preço da sua mercadoria e maior será o número de clientes fidelizados. Ao prefixar os valores dos seus produtos, verifique se a quantia investida para produzir está adequada para evitar desperdício de dinheiro. Caso o contrário, o preço de mercado dos seus peixes não poderá acompanhar o ritmo de um comércio tão competitivo.

Assim, ajuste todos os processos para que eles gastem menos tempo dinheiro, o que viabilizará um rendimento significativo a longo prazo. Portanto, para potencializar a sua criação de tilápias, aumentar o lucro e ser mais competitivo, foque na redução dos custos de produção! Como fazer isso? Explicamos logo abaixo!

Tilapicultura

3 melhores dicas para otimizar a sua criação de tilápias

Você aprendeu sobre a importância em reduzir os custos da sua produção e agora chegou o momento de conferir as 3 maiores dicar para otimizar a sua criação de peixes. Piscicultores preocupados em produzir mais e com maior qualidade não devem perder a oportunidade de colocar em prática cada detalho do nosso texto. Confira!

1. Alimente seus peixes adequadamente

No momento de alimentar os peixes, recomenda-se que a quantidade de ração fornecida esteja na proporção de 6,5% do peso total nas primeiras fases do cativeiro. Por outro lado, no fim da criação deve servir 1,2%. O alimento precisa ser oferecido duas vezes ao dia ou mais, ficando a critério da produtor ao observar o consumo dos animais.

O percentual de proteína bruto presente na ração deve girar em torno de 28% a 32%, sendo o último valor extremamente recomendável para sistemas de tanque rede. Isso porque existe uma expectativa de conversão alimentar de 1,4 a 1,8 em condições térmicas favoráveis.

Além disso, ao escolher um tipo de ração observe se ela é extrusada, pois essa é categoria mais indicada para as tilápias, uma vez que o seu processamento ocorre em alta temperatura, pressão e umidade — e tudo isso possibilita um maior aproveitamento de nutrientes pelos peixes.

Outro ponto de destaque é que rações processadas por meio de extrusão facilitam o manejo alimentar graças à estabilidade demonstrada ao entrar em contato com a superfície da água. Afinal, de acordo com o hábito alimentar das tilápias, a ração deve flutuar na água, o que também evita bastante o desperdício e o acúmulo de resíduos no tanque.

2. Invista em tecnologia

Investir em tecnologia faz como que o produtor rural supere gargalos que impedem o aumento da produção de peixes. Esse tipo de investimento auxiliará você na redução de incertezas inerentes ao processo produtivo, garantindo a sistematização de dados que ficam espalhados por diversos setores da sua fábrica. Dessa maneira, fica muito mais fácil melhorar o manejo e garantir a vida útil das tilápias.

Assim, a utilização de tecnologia de ponta abarca a otimização dos processos no intuito de aumentar a sua produção ou reduzir gastos e tempo de execução das atividades internas da empresa. A produtividade do seu negócio só tem a ganhar com esse fator agregado à sua criação, pois por meio dele é possível facilitar o gerenciamento dos processos e a tomada de decisões administrativas.

Nesse sentido, é muito importante que as mudanças na produção geradas pela implementação da tecnologia sejam transmitidas para todos os colaboradores envolvidos nas respectivas atividades que necessitam das máquinas. Para tanto, você deve investir em trinamentos e garantir que os seus funcionários estejam devidamente capacitados.

3. Utilize a rizipiscicultura

A rizipiscicultura é uma prática secular do Oriente — estima-se que surgiu pela primeira vez há mais mil e quinhentos anos no sudeste asiático e no subcontinente indiano. Essa é, na realidade, uma associação entre a cultura do arroz com a piscicultura em mesmo ambiente.

Esse método se caracteriza pelo tratamento racional da área agrícola, especificadamente da água, que, por sua vez, favorece a manutenção das reservas hídricas onde há o cultivo de arroz em coexistência com uma criação de peixes. Ele costuma ser desenvolvido por meio de arroz irrigado e plantado em tabuleiros para priorizar a organização, bem como otimizar a produtividade.

Outro fator preponderante para adotar um sistema de rizipiscicultura é que essa cultura anda na mesma linha dos conceitos de desenvolvimento sustentável. É fato que, quando você concilia uma criação de peixes com uma plantação de arroz, os animais se alimentam das ervas daninhas e de outras pragas que proliferam nessas lavouras.

Lavouras dessa categoria, então, diminuem de maneira significativa a utilização de herbicidas e de outras formas de se tratar e eliminar esses empecilhos que prejudicam a produtividade do seu negócio. Dessa maneira, fica mais fácil economizar dinheiro e investir em alimentos mais saudáveis.

Agora você já sabe as melhores dicas para potencializar a sua criação de tilápias e pode aplicá-las na sua produção e alavancar o seu negócio. Não se esqueça de alimentar adequadamente os peixes para que eles atinjam um bom tamanho e de investir em tecnologia de ponta. Seguindo essas dicas, certamente você conseguirá ampliar o retorno da sua produção. Produza com mais qualidade com as nossas orientações!

Gostou de aprender nossas maiores dicas para otimizar a sua criação de peixes? Deixe um comentário abaixo e compartilhe as suas experiências conosco!

Novidades

Cadastre-se na nossa newsletter
e receba notícias em seu e-mail

icon_newsletter

Selecione o assunto do seu interesse

    Banner Tanque Circular

    Materiais Gratuitos