+55 (11) 2139-2888 [email protected] Voltar para a página inicial
ACESSAR LOJA
+55 (11) 2139-2888 [email protected]
×

Alinhamento de caminhão: entenda 6 vantagens!

Modificado em: junho 6, 2024

Os proprietários de caminhões precisam estar sempre atentos para diversos pontos relacionados a manutenções no dia a dia para garantir viagens mais produtivas, eficientes e com menos prejuízos.

Por isso, é importante que você leve em conta os cuidados necessários. E um deles é o alinhamento de caminhões. Entenda quais são os pontos que ele identifica e as vantagens em sua realização. Continue a leitura para tirar suas dúvidas.

O que é o alinhamento de caminhão?

Se você nunca tinha ouvido falar sobe alinhamento, é importante compreender sobre o que se trata. Quando um caminhão é projetado, ele é feito para que as rodas circulem em alinhamento perfeito, para facilitar a condução e, também, trazer maior eficiência no dia a dia.

Contudo, com o dia a dia e eventuais problemas (por exemplo, ao passar em buracos nas estradas), esse alinhamento é prejudicado, causando mudanças nos eixos das rodas. Assim, o processo de alinhamento é necessário, justamente, para consertar o problema.

Quais problemas são identificados no alinhamento?

De que forma minimizar problemas por meio do alinhamento de caminhões? Há alguns pontos que podem ser identificados nesse momento. O desalinhamento acontece de três formas:

  • convergência: também chamada de divergência, ocorre quando os pneus estão em sentido diverso ao do caminhão, o que gera uma maior sobrecarga no motor. Consequentemente, leva o veículo a puxar para um dos lados;
  • câmber: há nesses casos uma inclinação vertical da roda, gerando deformidade dos pneus e, por consequência, da banda de rodagem, gerando prejuízos para a roda;
  • cáster: nesse caso, ocorre uma inclinação do pino mestre em relação ao ponto de fixação no centro da roda. Isso gera justamente uma perda de estabilidade devido ao desalinhamento.

Quais os benefícios do alinhamento de caminhões?

Fazer o alinhamento permite não só identificar os problemas que listamos, mas alcançar certas vantagens. Veja a seguir os principais benefícios que são obtidos ao realizar esse processo.

1. Aumenta a vida útil das peças

Uma das principais vantagens é que o alinhamento permite minimizar desgastes desnecessários sobre diversas peças do caminhão, reduzindo, portanto, a necessidade de trocas antes do prazo estimado. Trafegar com as rodas alinhadas minimiza desgastes sobre:

  • eixos;
  • rolamentos;
  • freios;
  • câmbio;
  • motor;
  • suspensão;
  • transmissão.

Com isso, ainda é possível evitar problemas com eventuais quebras durante a viagem, o que causa atrasos e prejuízos desnecessários tanto a curto quanto a longo prazo.

2. Reduz gasto de combustível

Mesmo que esteja em um nível pequeno, o desalinhamento gera uma elevação no consumo de combustível. Isso porque ocorre uma força em sentido oposto ao da marcha. Com isso, o motor precisa forçar mais para funcionar adequadamente, o que resultam em uma maior demanda de combustível para fazê-lo rodar.

Ao realizar o alinhamento, você não passa por esse tipo de situação, pois há uma exigência do motor maior do que a necessária, economizando combustível e diminuindo os custos por viagem.

3. Proporciona maior segurança às viagens

Outro ponto importante é que o alinhamento traz maior segurança para as viagens realizadas. Isso porque os freios e as suspensões precisam funcionar adequadamente para a realização de curvas seguras e frenagens. Além disso, o alinhamento permite que o motorista conduza o veículo dentro da direção escolhida.

Quando há o desalinhamento, a resposta do caminhão pode ser afetada consideravelmente e assim resultar em uma resposta ineficaz diante de uma situação de risco e em maiores chances de acidentes.

Além disso, o alinhamento permite, como falamos no início do artigo, diminuir a sobrecarga sobre as peças. Com isso, as chances de quebras durante a viagem, que podem resultar em acidentes, são diminuídas consideravelmente.

4. Torna a condução mais confortável

Quando há um desalinhamento, mesmo que pequeno, o condutor precisa estar mais atento para manter o veículo na direção desejada. Ao resolver esse problema, ele não precisa ficar tenso durante toda a viagem, focando em outras questões importantes para uma direção segura.

Outro ponto é que o caminhão fica mais estável, sem trepidações constantes, o que tende a ser um fator de irritação para o profissional. Sem isso, a condução fica mais tranquila e menos cansativa, e o motorista realiza uma viagem mais produtiva, com menos chances de acidentes e maior atenção. Além disso, há uma redução do cansaço, garantindo que tenha um trajeto menos arriscado.

5. Ajuda na conservação dos pneus

Outro ponto no qual o desalinhamento gera um aumento de pressão é sobe os pneus. Quando eles rodam com essas condições, ocorre uma movimentação para a direção contrária daquela que é a natural para o equipamento, aumentando o atrito entre eles e promovendo um maior desgaste.

Outro ponto importante a ser observado é que o desalinhamento gera a banda de rodagem, ou seja, proporciona um desbastamento irregular. Como eles não possuem contato adequado com o solo, ocorre, ainda por cima, um desgaste desigual, o que é ainda pior. Todos esses problemas podem ser evitados com o alinhamento periódico, evitando a necessidade de realizar trocas de pneu com menos regularidade.

6. Garante uma performance melhor do veículo

Tudo que falamos leva justamente a uma melhor performance do veículo no dia a dia. Ele rende mais com menos combustível desde que todos os elementos funcionem adequadamente. Com o alinhamento, você minimiza desgastes, exige menos do motor e, consequentemente, o caminhão opera com o máximo de eficácia.

Quando o alinhamento deve ser feito?

Uma dúvida comum dos proprietários de caminhões é identificar o momento em que o alinhamento deve ser feito. Temos algumas perspectivas sobre isso:

  • buscar o procedimento ao perceber que há desalinhamento na condução, mesmo que de forma sutil (por exemplo, gerando trepidações na roda ou volante com vibração excessiva), ou quando percebe que o consumo de combustível está aumentando;
  • realizá-lo de forma preventiva. Isso pode ser feito quando ocorrer a troca ou o rodízio de pneus (algo que é feito na manutenção periódica) ou ao realizar a manutenção da suspensão.

O alinhamento de caminhão é uma forma importante de manter o bom funcionamento do veículo e assim garantir melhores resultados durante suas viagens, tornando-as mais produtivas tanto no que diz respeito ao tempo quanto ao consumo de combustível e ao lucro.

Para mais dicas como essas, siga nossos perfis no Facebook, no Instagram e no LinkedIn e não perca nenhuma informação!

Novidades

Cadastre-se na nossa newsletter
e receba notícias em seu e-mail

icon_newsletter

Selecione o assunto do seu interesse

    vinilona_cinza_20_2_1

    Materiais Gratuitos