Cadastre-se e receba novidades  
Selecione o assunto de seu interesse:
Enviando sua inscrição  
Loading...
Barracas de Feira

Feirante: veja 8 dicas de como conservar alimentos no verão

conservar alimentos no verão

Muitos feirantes têm dúvidas a respeito de como conservar alimentos no verão, período em que os cuidados devem ser redobrados em função das altas temperaturas e dos riscos maiores de que frutas, legumes e verduras estraguem sob o sol escaldante da estação.

Existem diversos métodos e recursos que podem ser utilizados para garantir a segurança alimentar e a qualidade dos produtos que serão oferecidos aos clientes na feira — embalagens apropriadas, lugares em condições específicas para manter as propriedades dos alimentos e, para quem trabalha com barraca de feira, a própria lona pode ajudar bastante.

Ligue o ventilador, prepare um refresco bem geladinho e leia as 8 dicas que preparamos!

1. Proteja a barraca com lonas

Os feirantes recebem seus clientes em suas barracas, que, geralmente, são protegidas com lonas. Mas será que os alimentos estão seguros, de fato, mesmo em épocas de temperaturas mais altas, como o verão?

É fundamental se certificar de que as lonas utilizadas para a proteção da barraca — e, consequentemente, dos produtos que estão sendo vendidos — sejam da mais alta qualidade. O mercado oferece lonas para barraca de feira feitas de materiais que realmente protegem os alimentos, inclusive ao ajudar a inibir a ação dos raios ultravioletas.

Lonas em tons mais claros, ou mesmo as listradas, deixam o ambiente mais iluminado, evitando que o interior da barraca fique muito abafado, o que aumentaria ainda mais as temperaturas. Ao mesmo tempo, essas lonas evitam que o sol incida diretamente sobre os alimentos.

2. Não lave os alimentos antes de armazenar

Essa dica pode soar um pouco estranha, mas a explicação faz sentido. É claro que lavar os alimentos antes de consumi-los é fundamental. No entanto, essa higienização realmente deve ser feita na hora de comer, e não antes de guardá-los.

Isso ocorre porque as frutas, legumes e verduras contam com camadas naturais de proteção que podem ser removidas durante essa lavagem. Assim, se a higienização ocorrer antes da hora, é possível que os alimentos apodreçam de forma mais rápida. Caso os alimentos tenham muita sujeira, o ideal é passar um pano para retirar as impurezas.

3. Remova as partes machucadas das frutas e verduras

As partes machucadas das frutas e verduras devem ser retiradas, sob pena de contaminarem o restante dos alimentos, caso isso não seja feito. Embora essas marcas possam ser deixadas nos alimentos em função de quedas ou batidas, elas também podem ser sinal de um apodrecimento precoce.

Eventuais bactérias e impurezas que estejam presentes no local podem aproveitar essa brecha para se espalhar, causando um prejuízo significativo para os feirantes.

4. Tenha caixas refrigeradoras

Essa dica vale para todas as estações do ano, mas, no verão, é preciso reforçar: é fundamental ter caixas refrigeradoras para manter os alimentos — especialmente para os feirantes, que transportam produtos de um lugar para o outro, várias vezes na semana. Sabe-se que frutas, legumes e verduras são alimentos perecíveis e, por isso, todo cuidado é pouco na hora de garantir a sua validade.

ebook-feirantePowered by Rock Convert

Além disso, é importante informar aos clientes a respeito dessa necessidade, como uma maneira de alertá-los sobre o melhor aproveitamento dos produtos que estão adquirindo. Há exceções, claro, como as maçãs, melões e peras, que se mantêm em melhores condições em temperatura ambiente.

Ao chegar em casa, os alimentos devem ser armazenados na geladeira, preferencialmente em sacos hermeticamente fechados ou em embalagens tampadas.

É recomendável, ainda, que diferentes tipos de alimento sejam guardados separadamente e não se mantenham em contato enquanto estão sendo refrigerados — por exemplo, não guardar cenouras e verduras dentro de uma mesma embalagem.

5. Não coloque o gelo diretamente em contato com os alimentos

O gelo ideal para a conservação de alimentos — usado em caixas térmicas e/ou refrigeradoras — é o gelo em escamas. Apesar de produzido com água potável, esse produto não é destinado ao consumo humano, e, sim, para manter outros itens na temperatura adequada.

Esse gelo se adere mais facilmente aos produtos (ele é muito utilizado para resfriar latas de refrigerante e cerveja, por exemplo) e, por isso, é preciso colocar alimentos como frutas, legumes e verduras em embalagens antes de acondicioná-los em uma caixa refrigeradora.

6. Mantenha as carnes congeladas

Para aqueles feirantes que também oferecem carnes aos seus clientes, a dica é manter esse tipo de produto congelado. Essa é a maneira mais segura de vender itens de origem animal sem dispor de um balcão refrigerado, como nos açougues. O tempo fora de ambientes refrigerados deve ser o mínimo possível.

Importante: a carne, depois de descongelada, não pode ir para o freezer novamente, seja ela bovina, suína, de frango ou peixe. Sua validade, mesmo congelada, também não é muito grande, então, é preciso ficar atento a isso para não acabar com um estoque estragado e ficar no prejuízo.

7. Mantenha os laticínios bem fechados

Muitos feirantes oferecem queijos aos seus clientes. Esse produto costuma ser bastante procurado, porém, mais uma vez, o verão é um período delicado para o armazenamento de laticínios.

Como muitos fregueses preferem levar apenas uma fatia ou pedaço de queijo, o feirante acaba sendo obrigado a abrir a embalagem, e é aí que os riscos começam. Além de terem que ficar refrigerados, os queijos devem ser acondicionados de forma que o contato com o ar seja o menor possível. Isso evita a proliferação de fungos.

8. Comercialize imediatamente as comidas prontas

Algumas barracas vendem alimentos prontos para o consumo imediato. Essas comidas preparadas na hora devem ser mantidas em temperatura acima de 60 °C e não devem ser deixadas esfriando em temperatura ambiente por mais de 60 minutos, sob risco de contaminação.

Gostou das nossas 8 dicas sobre como conservar alimentos no verão? É fundamental estar atento para evitar que os produtos da feira sejam contaminados durante o período mais quente do ano. Não esqueça que uma boa barraca conta com lonas de qualidade, que ajudam a manter as boas condições e a segurança alimentar dos diversos itens oferecidos no local.

Tem alguma dúvida ou gostaria de deixar a sua dica? Faça o seu comentário para enriquecer ainda mais essa conversa!

Powered by Rock Convert